banner 2017 b

Policial

Veículos e documentos apreendidos em Matureia, na PB, tinham diversas irregularidades (Foto: Artur Lira/G1)Um vereador de Matureia, no Sertão da Paraíba, e mais quatro pessoas foram presas suspeitas de receptação de veículos na quarta-feira (2). Cinco veículos foram apreendidos, sendo duas motos, dois carros e um caminhão. O vereador preso estava com um carro i30 e um caminhão.

De acordo com o sargento da Polícia Militar Edimilson Soares, a prisão aconteceu através de uma denúncia anônima de veículos clonados feita à PM de Teixeira, também no sertão.

A polícia foi atrás dos suspeitos e encontrou várias irregularidades, como documento com papel diferente do utilizado pelo Detran, além dos chassis aparentemente adulterados, incompatíveis com os documentos. Os veículos também tinham restrições no sistema Infoseg.

O cinco suspeitos foram levados para a delegacia de Teiziera para prestar depoimento, onde estavam na manhã desta quinta-feira (21). Os veículos apreendidos também estão na delegacia.

O G1 tentou se comunicar com a Câmara de Vereadores de Matureia, mas as ligações não foram atendidas.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Homicídio foi registrado na manhã de quarta-feira (20) em Mangabeira, em João Pessoa (Foto: Walter Paparazzo/G1)O suspeito de ser o mandante da morte de um homem no bairro de Mangabeira, em João Pessoa, na quarta-feira (20), foi preso na noite do mesmo dia. Segundo a Polícia Civil, ele confessou que pagou R$ 4 mil pela execução da vítima, que mantinha relacionamento com a ex-companheira do mandante. Os dois suspeitos de executar Eduardo Dantas Pereira foram presos cerca de meia hora depois do crime.

O crime aconteceu nas imediações do Fórum Cível de Mangabeira, na avenida Hilton Souto Maior e foi flagrado por policiais militares, que iniciaram uma perseguição e conseguiram prender a dupla suspeita da execução. Segundo a polícia, a dupla estava de moto e atirou na cabeça da vítima, que morreu no local.

O delegado Pedro Ivo Soares, da delegacia de Homicídios, explicou que o terceiro preso havia contratado a dupla presa por R$ 4 mil para executar Eduardo Dantas. “O pagamento foi acertado para que eles executassem a vítima quando ela descesse do ônibus, no ponto de ônibus próximo ao trabalho”, explicou.

Ainda de acordo com o delegado, o mandante não aceitava o término do relacionamento com o ex-namorada, que atualmente mantinha um relacionamento com a vítima, Eduardo Dantas Pereira. O crime foi combinado na noite de terça-feira (19), no distrito de Várzea Nova, em Santa Rita, cidade da Grande João Pessoa.

O terceiro preso e suposto mandante do crime foi encaminhado para Central de Polícia, no bairro do Geisel, onde seguia preso até a manhã desta quinta-feira (21). Ele deve ser ouvido e ficar à espera da audiência de custódia. A Polícia Civil chegou ao terceiro suspeito após os dois executores do crime confessarem que tinham sido contratados para praticarem o homicídio.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Rivaildo Filho foi baleado durante assalto em frente a casa em que mora, no Alto do Mateus (Foto: Walter Paparazzo/G1)Um sanfoneiro foi assaltado e baleado quando chegava em casa no Alto Mateus, em João Pessoa, na madrugada desta quinta-feira (21). Segundo informações da própria vítima, Rivaildo Ribeiro Filho, ele foi abordado por dois homens quando chegava de carro em casa após se apresentar em um show, por volta das 3h. Por medo dos assaltantes invadirem a residência, o sanfoneiro deu ré no carro e um dos homens atirou contra ele.

O tiro acertou o braço e o peito da vítima de raspão. Ferido, Rivaildo Filho saiu do carro e os assaltantes fugiram levando o carro com todos os seus pertences, inclusive a sanfona. No início da manhã desta quinta-feira, o carro do sanfoneiro foi encontrado pela Polícia Militar em um terreno baldio no Distrito Industrial, em João Pessoa com alguns danos na lataria.

A sanfona foi levada pelo grupo. Rivaildo Filho pediu que, caso alguém encontre uma sanfona vermelha, da marca Scandalli, sendo vendida abaixo do preço de mercado, que desconfie e acione a polícia. “Foi tirado o ganha-pão de um pai de família. Não vou poder mais levar meu pão para casa porque bandidos levaram minha sanfona”, lamentou.

O sanfoneiro assaltado e o veículo recuperado foram encaminhados para Central de Polícia, no bairro do Geisel, na zona sul da capital paraibana, para registro da ocorrência. Segundo o sargento Tranquilino, da Polícia Militar, além do roubo, os assaltnates devem responder por tentativa de latrocínio, uma vez que atiraram contra o sanfoneiro na abordagem. A Polícia Militar realizou buscas, mas até as 8h15 desta quinta nenhum suspeito tinha sido preso.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Resultado de imagem para Grupo explode agência dos Correios e atira em viaturas em Soledade, ParaíbaCerca de seis homens explodiram a agência dos Correios da cidade de Soledade, no agreste da Paraíba, por volta das 2h desta quinta-feira (21). De acordo com a Polícia Militar, o grupo utilizou dois veículos roubados e arrombou a agência com a ajuda de uma alavanca. Em seguida, eles explodiram o cofre central.

Antes da ação, os bandidos atiraram em quatro viaturas da Polícia Militar, impedindo a ação dos policiais que estavam de plantão. Segundo a polícia, após explodir os cofres e durante a fuga, os assaltantes roubaram outros dois carros que estavam passando pelo local. Várias casas da rua do destacamento ficaram com marcas de balas.

Até as 7h20 três carros utilizados tinham sido localizados nas redondezas da cidade, um dos veículos foi batido na parte da frente e em um outro carro foram localizadas seis bananas de dinamite. Até o mesmo horário, a informação era de que que os bandidos fugiram em direção à cidade de Oliveiros.

O Grupo de Ações Táticas (GAT) fez uma inspeção inicial no prédio dos Correios e não foi localizado nenhum outro explosivo.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Homem não tinha licença ambiental para criar aves silvestres, em Cabedelo, PB (Foto: Major Cristóvão Lucas/BPAmb)Um homem foi preso com 33 aves silvestres e um tatu-bola, nesta quarta-feira (20), no bairro de Intermares, em Cabedelo, na Grande João Pessoa. Segundo o comandante do Batalhão Ambiental (BPAmb), major Cristóvão Lucas, os pássaros estavam em um viveiro existente no quintal da casa do suspeito. O tatu-bola, por sua vez, já estava morto e foi encontrado dentro de uma geladeira.

Durante a ação, foram resgatados 29 canários da terra, dois papa-capins, um chorão e um galo de campina. Os policiais militares chegaram ao local após uma denúncia anônima.

O suspeito, de 34 anos, afirmou estar desempregado e não ter licença ambiental para a posse dos animais. O homem foi enquadrado no artigo 29 da lei 9.605/98, que tem pena de seis meses a um ano de detenção, e ainda recebeu uma multa no valor de R$ 17 mil - o equivalente a R$ 500 por cada animal que estava em posse do suspeito.

As aves foram levadas para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), onde serão avaliadas para possível reinserção em seu habitat natural. O tatu será enterrado em local adequado.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Homem é morto com 10 tiros em Sousa, no Sertão da Paraíba (Foto: Artur Lira/TV Paraíba)Um ex-presidiário de 20 anos foi morto com 10 tiros em Sousa, Alto Sertão da Paraíba. Segundo as polícias Militar e Civil, o crime aconteceu às 15h30 desta quarta-feira (20) quando o homem chegava em casa em um Fiat Uno preto. Ele estacionou, desceu do carro e foi surpreendido por dois homens em uma moto que efetuaram os disparos e fugiram.

A polícia trabalha com a hipótese de que foi uma execução, provavelmente motivada por vingança ou acerto de contas. O homem havia sido preso por homicídio, tráfico de drogas e roubo, durante a Operação “Narcos” em junho de 2016 em Sousa.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Motorista é preso pela PRF por dirigir bêbado ônibus escolar com 15 crianças (Foto: Divulgação/ Polícia Rodoviária Federal)Um motorista foi preso na manhã desta quarta-feira (20) suspeito de estar dirigir bêbado um ônibus escolar com 15 crianças dentro do veículo.

A prisão foi realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nas proximidades do posto rodoviário da Farinha, na BR-230.

De acordo com a PRF, o homem realizou o teste do bafômetro que acusou que ele havia ingerido bebida alcoólica. O ônibus, da Prefeitura de Campina Grande, transportava alunos que estavam assistindo aula na zona urbana da cidade, mas moram na zona rural.

O motorista foi encaminhado para a Central de Polícia e deve responder por crime de trânsito. De acordo com nota da Secretaria de Educação de Campina Grande, também foi determinada a 'demissão sumária' do motorista, que também deve responder "administrativamente pelos danos causados ao bem público e aos direitos das crianças e adolescentes do Sistema Municipal de Ensino".

A nota também destaca que a prisão "não condiz com o trabalho desempenhado por todos os motoristas do transporte escolar, que possuem capacitação específica para este tipo de atividade, e tem sua rotina profissional fiscalizada pela Gerência de Transportes da Pasta".

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Um policial militar ficou ferido após sofrer um acidente durante uma perseguição na BR-230 em João Pessoa na manhã desta quarta-feira (20). O acidente aconteceu nas proximidades do quartel do Corpo de Bombeiros.

A ocorrência começou ainda na cidade de Santa Rita, no bairro de Várzea Nova, após um carro ter sido tomado por assalto. Os policiais da Rotam do 7º Batalhão iniciaram a perseguição ao veículo roubado e na altura do quartel os suspeitos saíram da BR em direção ao Jardim Veneza.

Na tentativa de continuar a perseguição, os policiais fizeram uma manobra, porém acabaram colidindo com uma moto que estava passando pelo local. Os veículos acabaram colidindo.

Os dois feridos no acidente foram socorridos e levados para o Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. O carro roubado foi abandonado na comunidade Nova Trindade e levado para a Central de Polícia, no bairro do Geisel. Os acusados conseguiram fugir do local e ainda não foram identificados.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Dupla foi presa meia hora depois de homicídio em João Pessoa (Foto: Walter Paparazzo/G1)Duas pessoas foram detidas suspeitas de matar um homem a tiros na manhã desta quarta-feira (20) no bairro do José Américo, em João Pessoa. De acordo com a Polícia Militar, um major da PM viu o momento do crime e iniciou uma perseguição aos suspeitos.

“Eu passava com minha viatura pela avenida quando presenciamos o fato. Ficamos no local para tentar socorrer a vítima e outra viatura que estava atrás de mim iniciou a perseguição, com destino ao bairro de Quadramares”, explicou o major Francimar, da PM.

Segundo a polícia, os dois homens estavam em uma moto quando se aproximaram e atiraram na cabeça da vítima. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionado, mas o homem não resistiu e morreu no local.

Durante a perseguição, que durou cerca de 30 minutos, os suspeitos abandonaram a moto em que estava e entraram em uma mata. “Uma das equipes acionou as outras viaturas que estavam próximas do bairro e conseguimos cercar a dupla dentro do matagal”, completou o major.

G1 PB
Portal Santo André em Foco

Página 1 de 50